Gente da Gente

Geraldo Pelotão

Uma lenda urbana

Geraldo Gomes, mais conhecido por Geraldo Pelotão, é um dos tipos populares mais lembrados pelos francanos que convieram a cidade de Franca nas décadas de 60 a 80. Com um comportamento único, ele sempre reagia as provocações xingando e jogando pedras em quem o confrontava. Assim os meninos adoravam deixá-lo irritado para que saísse correndo atrás deles e jogando as pedras que guardava nos bolsos de suas calças.
Frequentador assíduo da praça Barão, estava sempre no Café Globo.
Geraldo é uma destas lendas urbanas que fizeram parte da adolescência de muitos francanos que, ao lerem o texto, vão se lembrar com carinho desse cidadão carrancudo, mas de bom coração.
Geraldo era colecionador de chaveiros, se orgulhava da coleção que tinha e na Praça Barão era por vezes presenteado com um destes objetos que fazia questão de levar para casa e dependurar em sua parede recheada destes seus relicários.

O Corinthiano de grande Coração

O Geraldo não escondia a paixão que tinha pelo Corinthians e sempre que podia deixava claro. No Café Globo nutria algumas amizades que entendiam seu jeito de ser e alimentavam esta paixão em comum.

Nesta re-edição da compilação do vídeo do Geraldo é possível rever um pouquinho de quem foi essa ilustre figura histórica, no vídeo ainda é possível rever o Sissá.


https://youtu.be/y7c7YZMJMJo

O Geraldo Gomes nasceu dia 03/09/1915 e faleceu dia 07/05/2000, e a Praça Barão perdeu essa ilustre figura, que dava um toque de humor e aventura para a cidade de Franca.

Como dizia o Próprio Geraldo: quem gostou, gostou e quem não gostou, “- enfia a mão no cú, sô!”

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Detectamos um bloqueador de anúncios em seu navegador. Para uma melhor experiência de navegação no site do Grupo Amo Franca, desative seu bloqueador para o nosso site.